ATM é o nome dado ao par de articulações temporomandibulares que são extremamente importantes para duas funções essenciais ao individuo: a mastigação e a fala; essa articulação se encontra logo a frente do ouvido e recebe este nome por ser a união de 2 ossos: osso temporal  e a mandíbula. Os músculos principais que movem essa articulação são pterigoide lateral e medial, masseter, temporal, supra e infra-hióideos; sem esquecer de uma estrutura importantíssima que é o disco articular que tem como função  melhorar a congruência articular, permitindo uma melhor área de contato entre os dois ossos e acompanhando a rotação e translação do côndilo mandibular.



DTM é o termo utilizado pra designar as desordens dessa articulação que podem ser de causas musculares, articulares ou desordens secundárias a alterações posturais, na qual os sintomas e sinais clínicos mais comuns são estalidos, força da mordida e arco de abertura da boca diminuídos, travamento articular, dor referida para face e cabeça, outros fatores associados a DTM são o estresse, alterações emocionais, hábitos orais diários parafuncionais (ex: ranger os dentes, morder os lábios e etc) e bruxismo durante sono. Embora a maioria dos casos seja de boa resolução, uma pequena porcentagem se não tratada de inicio pode evoluir com processos degenerativos graves, levando até mesmo perda da função.



O tratamento conservador continua sendo o tratamento de escolha, somente casos extremamente graves são indicativo de cirurgia. Nos tratamentos conservadores além de infiltrações, uso de medicações e aparelhos intra-orais se destaca a fisioterapia que vai levar em conta o estágio que o paciente se encontra podendo usar de recursos analgésicos ( TENS, ultrassom), terapia manual, terapia comportamental, exercícios e correção postural, sendo esta ultima de extrema importância uma vez que o desalinhamento do tronco e da cervical estão intimamente ligados com  alterações na ATM.

 

 


  
   

 

 

Larissa Reis Mendes
CREFITO 216004-F

Compartilhe:
Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn